Anúncio

No Brasil temos alguns municípios que além de São Paulo também se encontram no ranking de melhores cidades de empreender. A Capital paulista chega a ser a mais rica na área do empreendedorismo.  

Mas não chega a ser a melhor cidade de capital humano, segundo o ICE.   

Conforme o Indice de Cidades empreendedoras (ICE) que é essencial para realizar essa análise nós negócios Brasileiros. 

 

Anúncio
São Paulo lidera o rankig de melhor cidade para se empreender no Brasil
Fonte: (Google Imagens) São Paulo lidera o rankig de melhor cidade para se empreender no Brasil

Conheça os municípios para se empreender no Brasil

Foi realizado uma pesquisa que apontou que são avaliados 101 municípios mais populares no Brasil, para chegar em 10 estados que são os maiores que lideram o ranking de empreendedorismo.  

Esses estados apontados pela pesquisa são;   

  • São Paulo 
  • Florianópolis  
  • Joinville 
  • Brasília  
  • Niterói  
  • Boa vista  
  • Curitiba 
  • Rio de Janeiro  
  • Macapá  
  • Goiânia  

O mais interessante é que dessas cidades que estão no alto do empreendedorismo, apenas uma encontra-se no ranking de melhor capital de humano. Florianópolis está no topo desses municípios.  

De acordo com Arnaldo Mauerberg Júnior, um dos investigadores do ICE (Índice de Competitividade Empresarial), essa mensuração envolve uma avaliação da qualidade da mão de obra nos municípios. Essa avaliação é realizada por meio de análises e estudos sobre diversos aspectos relacionados a essa questão. Em outras palavras, o objetivo é medir e compreender a qualidade do trabalho realizado por profissionais em diferentes da educação Brasileira, ensino médio e fundamental, superior e níveis de mercado. 

Nesses indicadores também é possível avaliar o “custo médio de salário de cada pessoa.” “Arnaldo ainda diz – que os indicadores referentes ao salário, faz o efeito inverso a pesquisado do ICE.” 

Visto que quanto maior for o salário dos trabalhadores, menor é o isentivo deles optarem a empreender. 

“O Capital humano acaba sendo uns dos fatores mais importantes para analisar o ranking geral.” 

O fato de indicadores mostrar que o município de São Paulo tem salários mais altos, mas não tem profissionais qualificados na educação para assumir esses cargos, e assim o aumento em busca de empreender é maior. Por isso a capital paulista está em número 1 no ranking de empreender.  

“Um dos grandes avanços que a análise econômica passou nas últimas décadas foi o reconhecimento da importância do capital humano para o desenvolvimento econômico” destacou Luciano Rossini, um dos pesquisadores do ICE. 

Alguns estados como Florianópolis tem um “diferencial tanto pelo acesso de qualidade a mão de obra básica e a especializada.” 

Os fatores que o ICE analisam 

O ICE (Índice de Competitividade Empresarial) avalia sete fatores que iniciaram para o sucesso dos negócios, que são: ambiente regulatório, mercado, infraestrutura, inovação, capital humano e cultura empreendedora. 

 Em outras palavras, o índice considera e analisa aspectos como as políticas governamentais e regulamentações, as condições do mercado, a qualidade da infraestrutura disponível, o nível de inovação, a habilidade e conhecimento dos profissionais, e a cultura que promove o empreendedorismo.  

Esses fatores são importantes para compreender o ambiente empresarial e a competitividade de uma determinada localidade.  

Após a capital paulista subir no ranking vem Brasília, Boa Vista e Aparecida de Goiânia, que estão crescendo no campo de empreender.  

Brasília veio para o quarto lugar, Bela vista sexto lugar e Aparecida de Goiânia veio para 35º . 

Algumas dessas melhorias foram devido ao “imposto da alíquota interna do ICMS, e a simplificação Burocrática,” redução de gasto em processos. 

Luiz Gustavo Siqueira

Luiz Gustavo Siqueira